Mensagens

/Mensagens

medo

'Questão: Já não tenho medo. Encontrei alguma paz. Maharaj: Que espécie de paz? A paz de teres o que queres, ou de não quereres o que não tens? Q: Um pouco de ambas, acho eu. Não foi de todo fácil. Enquanto o ashram é um sítio bastante pacífico, por dentro eu estava em agonia. M: Quando realizares que a distinção entre interior e exterior está apenas na mente, deixas de ter medo. Q: No meu caso, essa realização aparece e desaparece. Ainda não alcancei a imutabilidade da plenitude absoluta. M: Bem, enquanto acreditares nisso, tens de continuar com o teu sadhana, para dispersar a ideia falsa de não seres completa. O sadhana remove a falsidade sobreposta ao ser. Quando realizares que tu própria és menor que um ponto no espaço e no tempo, algo pequeno demais para ser cortado e breve demais para ser morto, aí, e só aí, todo o medo desaparece. Quando és mais pequena que [...]

By |2017-06-08T20:44:24+00:00 23 Maio, 2011|Categories: Mensagens|

revolta

'Na tua presente condição és movido pelo princípio de prazer e dor, que é o ego. Estás a colaborar com o ego, não estás enfrentá-lo. Tu nem sequer estás consciente da forma como és completamente influenciado pelas tuas considerações pessoais. Um homem deve estar sempre em revolta contra si próprio, pois o ego, tal como um espelho defeituoso, tudo estreita e tudo distorce. É o pior de todos os tiranos, porque te domina absolutamente.' Sri Nisargadatta Maharaj

By |2011-04-28T17:11:21+00:00 28 Abril, 2011|Categories: Mensagens|

meditação

' A meditação depende da força da mente. Tem de ser constante, mesmo quando estamos envolvidos no trabalho. Dedicar um tempo particular à meditação é só para os principiantes.' Ramana Maharshi

By |2011-04-24T13:49:18+00:00 24 Abril, 2011|Categories: Mensagens|

ignorância

'A aceitação da própria ignorância é a alvorada do conhecimento. Um homem ignorante é aquele que ignora a sua ignorância. Podes dizer que a ignorância não existe, pois no momento em que é observada, desaparece. Por isso podes chamar-lhe inconsciência ou cegueira. Tudo o que vês à tua volta e dentro de ti é o que não conheces nem compreendes. Reconhecer que não conheces e que não compreendes é o verdadeiro conhecimento, o conhecimento de um coração humilde.' Sri Nisargadatta Maharaj

By |2011-02-25T12:24:55+00:00 25 Fevereiro, 2011|Categories: Mensagens|