Seja qual for a perspetiva, todos temos o mesmo desejo de ser felizes e a mesma vontade de não sofrer. Mas nós somos um só enquanto os outros são em número infinito, por conseguinte eles são mais importantes do que nós… Existe uma enorme diferença entre o bem-estar resultante da nossa felicidade pessoal e o bem-estar resultante de uma infinidade de pessoas serem felizes… A todo o lado que vou, aconselho sempre a que se seja altruísta e bom para com os outros. Eu próprio concentro toda a energia, meditação, etc., a cultivar a bondade. É essencial, é o ensinamento essencial de Buda…”

Dalai Lama in sabedoria infinita